calção de banho





Quero a palha da palmeira pra fazer de esteira
na sombra do cajueiro e ali me despojar
Quero as unhas vermelhas da morena
entre os meus cabelos negros quase prateados como o luar.
Ah, eu quero; eu quero sim, esta preguiça minha,
esta malemolência branca depois do meio dia;
depois dos cinquenta, depois  de amar a minha morena.
E quando o senhor sol abrir a porta para a senhora lua,
quero continuar ali, junto dela, num banho de estrelas
até o dia voltar.


Paulo Francisco





Eu Quero Estar Com Você by Nana Caymmi on Grooveshark

7 comentários:

maria teresa disse...

Um "querer" sonhado que se pode tornar real...
Que suavidade nas palavras, senti o "instante" como se real fosse!
Abracinho meu!

✿ chica disse...

Lindo demais! abração,chica

Paula Barros disse...

Estou adorando os poemas colocados aqui nos últimos dias.
Gosto de poemas que os remete a algo, que nos dá vontade do que está escrito.
abraço

isa disse...

Que doce querer.
BFS.
Beijo.
isa.

Patrícia Pinna disse...

Boa tarde, Paulo. Comecei a comentar pela postagem abaixo. Nem sempre sigo uma ordem. Fique atento, pois comento em mais de um poema seu.
Amei, amei, amei!
Quanto amor, sensibilidade nas palavras, emocionante de ler!
Parabéns pela sua arte intensa e simples!
Beijos na alma!

Patrícia Pinna disse...

Paulo, deixei um link no face do teu blog exaltando a tua poesia e convidando a todos a conhecerem o teu espaço maravilhoso. Espero que não se importe.
Beijos na alma!
Ah, o que é mais do que bom precisa ser divulgado, rs!

Cristina disse...

Bellísimo sitio, si me permites me quedo para seguirte!
Abrazos desde Uruguay!

http://perfumederosas-cristina.blogspot.com/