Passageiro











Pássaros e borboletas
flores e abelhas
ventos e folhas secas
mares e cachoeiras
trilhas e rumos
Tudo preso
Tudo guardado no peito
- Será o fim?
Estou triste
calado
cabisbaixo!
desnorteado
fora do prumo
meio triste
meio perdido
um tanto cansado
à procura de uma metade
arrancada de mim.
- Será o fim?
Fim de uma procura?
Fim de um ciclo?
Fim de uma prisão?
Talvez sim
Talvez não
Têm dias que fico assim:
na contramão.


Paulo Francisco

3 comentários:

Rô... disse...

oi Paulo,

todos nós um certo dia,
perdemos a direção...
mas no outro,tudo volta
ao normal...

beijinhos

Nelma Ladeira disse...

É muito ruim se sentir triste,cabisbaixo,perdido.
Quem sabe você acha a sua outra metade.
Beijinhos.

sandra mayworm disse...

Oi Paulo, sempre bom ver e ler as novidades. Se preocupa não, nesses momentos é que a vida nos surpreende.
Bjs