Insensato


Meu coração bebeu saudade de madrugadas amorosas e alegres
Meu coração soluçou lembranças,vontades desejadas de repetir
Meu coração tão sofredor, um dia, uma vida, te amou
Meu coração - uma vez - colou ao seu, selou amor,ficou bobo, te desejou
Meu coração que era gélido, melancólico, desvaneceu-se em tê-la
estuou-se em sabê-la e lacranou-se ao perdê-la
Meu coração que já fora um lidador,hoje devaneia acordado
- é um sonhador de ti.


Paulo Francisco

3 comentários:

Nanda Olliveh disse...

Muito gostoso ler-te amigo!


''Meu coração que já fora um lidador,hoje devaneia acordado
- é um sonhador de ti.''


Beijos meus!

✿ chica disse...

Coração que sonha, coração que bate forte!!! abração,chica

Paula Barros disse...

Que lindo!
beijão de domingo.