Construção















A teia crescia a cada dia.
Construção milimétrica,
estrutura geométrica,
 a inquilina fazia.
[Construindo a sua casa
 recobria a minha.]
A teia crescia a cada dia.
Rendada a casa.
A casa se rendia
a renda da vizinha.

Paulo Francisco

3 comentários:

Rô... disse...

oi Paulo,

me sentir enredada não me agrada...
mas a teia é uma obra de arte que muito admiro...

beijinhos

lis disse...

Uma obra de engenharia impossível de imitar.
Grande artista essa inquilina!

abraço

Ivone disse...

Que lindo, singelos versos com a teia assumindo as suas lindas proporções!
Amei e achei criativo!
Abraços apertados!