Ao longe





Ouço o chiado da serra, as crianças gritando,
os carros em roncos e outros barulhos
Mesmo ouvindo ao longe que há vida
- e há vida porque estou vivo.
Mesmo tendo toda a certeza do mundo
mesmo assim, parece-me o fim do mundo
Não vejo nada no meio do dia
só ouço, lá no fundo, o barulhinho da chuva.


Paulo Francisco

2 comentários:

✿ chica disse...

Lindo ouvir ao longe o barulhinho da chuva!! abração,chica

lis disse...

Chove agora aqui também.
Que bom!